RSP Contabilidade e Consultoria Eireli

Quais são os custos básicos e custos fixos para quem está abrindo um restaurante?

Quais são os custos básicos e custos fixos para quem está abrindo um restaurante?

Em qualquer negócio, manejar os custos fixos é sempre uma tarefa da qual não se pode fugir. Além disso, não é exatamente fácil. Então, elaboramos esse post com as principais informações para te ajudar.

No caso específico de restaurantes, os custos fixos precisam ser minuciosamente controlados. Pois esse tipo de comércio demanda uma série de investimentos regulares como, por exemplo, as reposições de estoque. Aliás, esse já é um bom belo exemplo de custo fixo.

Então, sabendo disso, já fica implícito que, se não houver uma administração adequada destes custos, a qualidade de seu serviço cairá, e você pode até ter prejuízo. Contudo, há maneiras de se reduzir e gerir melhor os custos fixos para evitar que isso aconteça.

Enfim, a seguir, você verá algumas dicas importantes, de como reduzir os custos fixos da sua empresa. Afinal de contas, economia e qualidade podem muito bem andar juntas. Aliás, isso é essencial em qualquer ramo de atividade.

Então, se servir bons pratos já é um preceito para você, veja agora como fazer isso com a mesma perfeição, economizando mais.

O que são custos fixos de um restaurante?

Como o próprio nome já diz, custos fixos são despesas que você tem e que são imutáveis, pois elas são resultado de uma série de recursos dos quais o restaurante depende.

Em outras palavras, todos os materiais envolvidos na produção de seus pratos demandam custos fixos. Veja, a seguir, uma lista com os principais custos e despesas de um restaurante:

  • Pró-labore dos sócios;
  • Aluguel;
  • Mensalidade do sistema de gestão;
  • Marketing;
  • Escritório de contabilidade
  • Folha de pagamento;
  • Tributos;
  • Custo com aquisição de produtos;
  • Despesas como água, luz, telefone e internet.

Quais são os maiores custos fixos de um restaurante?

Após conhecer as principais despesas e custos de um restaurante, é hora de conferir quais são os maiores custos fixos em termos proporcionais.

Salários

A folha salarial é sem dúvidas um dos maiores custos de um restaurante. No entanto, é importante deixar claro, que sem bons funcionários e salários justos, dificilmente o seu restaurante chegará ao sucesso.

Não busque a redução da folha salarial, cortando benefícios ou reduzindo gratificações e bonificações dos seus funcionários.

O ideal é montar um bom planejamento e contar com o quantitativo ideal de funcionários, evitando o excesso de mão de obra contratada.

Contas básicas

Contas básicas são cruciais. Energia, água, internet, telefone e limpeza são alguns exemplos. Dependendo do lugar, estes custos sempre variam. Contudo, qualquer restaurante precisa arcar com os mesmos.

Uma maneira super simples de racionar esses custos é verificar se o uso destes recursos podem ser otimizados. Assim, ao economizar gastos desnecessários de energia e água, por exemplo, você está economizando dinheiro.

Para muitos, pode parecer algo óbvio. Contudo, muitas pessoas esquecem com muita frequência. Por isso, se atente ao bom uso destes recursos para, assim, poder otimizar tais custos.

Fornecedores

Fornecedores são aqueles de quem depende, afinal, todo restaurante. Eles irão repor as mercadorias do seu estoque frequentemente. Contudo, sempre é possível otimizar as contas com fornecedores. Entretanto, é importante nos atentarmos a um fator decisivo para alcançar este objetivo.

Estamos falando das boas relações profissionais, ou seja, aposte em uma boa comunicação com seus fornecedores, com um bom tratamento e sempre com clareza. Dessa maneira, você fica com as portas abertas para oportunidades interessantes que podem surgir, e facilita até mesmo as negociações de prazos e descontos.

Comissões de vendas, promoções e outras parcerias sempre podem surgir. No entanto, é preciso estar com os olhos abertos, e sempre receptivo para que isso venha á tona em uma negociação com fornecedores.

Dicas para uma boa gestão dos custos fixos e básicos do restaurante

Agora que você já tem um bom panorama sobre quais são os custos fixos de um restaurante, vejamos algumas dicas importantes para lidar bem com eles. Afinal, do que adianta saber quais são, se não sabemos como gerir?

Muito se fala em ações sustentáveis, que elas ajudam economicamente. No entanto, poucos sabem aplicá-las com eficiência, de forma que dê um bom retorno para seu restaurante.

Enfim, esse foi apenas um exemplo, mas existem muitos outros. Muitos restaurantes, inclusive (principalmente os caseiros e pequenas franquias), fecham suas portas por problemas de falta de gestão. Aliás, nem sempre são difíceis de resolver, bastando um pouco mais de informação e instrução.

Conheça as despesas do seu restaurante

Este item, como vimos anteriormente neste artigo, merece uma atenção indispensável. Despesas podem ser fixas, e você já sabe disso. Mas existe uma série de custos extras, que são mais variáveis e aparecem de repente.

Porém, há também as despesas que, embora sejam variáveis, você deve conhecer bem. Pois isso te ajuda não só a reduzir, como se planejar melhor para o mês seguinte.

Procure listar e conhecer todas as despesas e custos do seu restaurante, verifique aquelas que podem ser reduzidas ou eliminadas para melhorar a margem de lucro do seu negócio.

Evite o desperdício para reduzir os custos fixos

Além disso, é sempre possível diminuir o desperdício de alimentos. Restaurantes que prezam por estes valores têm a tendência, inclusive, de alcançar maior sucesso comercial.

Contudo, não use indiscriminadamente a sustentabilidade como artifício de propaganda. Mostre isso no serviço, deixando lixeiras recicláveis, investindo na reutilização do lixo orgânico, entre outras centenas de soluções sustentáveis que existem.

Negocie com fornecedores

Negociar com fornecedores é sempre uma opção a se considerar. Como mencionamos acima, é preciso ter boas relações com todos os seus fornecedores. Afinal, você depende deles para que seu restaurante funcione.

Sendo um custo fixo as despesas com fornecedores, a negociação com os mesmos sempre depende desta boa relação.

Busque preços atrativos e esteja sempre em negociação com fornecedores. Lembre-se, quanto menores os seus custos, maiores os lucros do seu restaurante.

FoodCont é a sua contabilidade especializada em restaurantes. Entre em contato conosco, converse com nossos analistas e conheça mais sobre os nossos serviços.

Rua Silveira Campos, 375 | 1º Andar Cambuci | São Paulo – SP | CEP: 01541-020
(11) 3349-3383
(11) 9.9184-7891
contato@foodcont.com.br